Presidente do CDS – Odivelas, Requer ao Presidente da Câmara autorização para, acompanhado dos Deputados na Assembleia da Republica pelo CDS, Conhecer Estado de Degradação do Mosteiro

Após o furto dos 170 azulejos do exterior do Mosteiro de Odivelas, em Dezembro de 2018, o CDS – Odivelas pretende conhecer o estado de degradação no interior deste Monumento Nacional, tendo requerido o seu Presidente, João Pedro Galhofo, ao Presidente da Câmara, autorização para a visita ao Monumento, acompanhado do grupo parlamentar do CDS na Assembleia da Republica. Salientando que a primeira visita institucional deste ano de 2019, foi à Associação das Antigas Alunas do Instituto de Odivelas, o Presidente do CDS – Odivelas afirma que, brevemente, o CDS, dará a conhecer o seu projeto para o Mosteiro de Odivelas.
Nota de Imprensa do CDS – Odivelas:
“A Comissão Política Concelhia do CDS Odivelas, através do seu Presidente João Pedro Galhofo, requereu ao Presidente da Câmara Municipal de Odivelas autorização para visitar o Mosteiro de S. Dinis e S. Bernardo de Odivelas, após o furto dos 170 azulejos ocorrido em Dezembro passado, com vista a conhecer o real estado de degradação interior do Monumento Nacional, que se encontra já na posse e gestão do Executivo Municipal após a assinatura do Auto de cedência do imóvel entre a Direcção-Geral do Tesouro e das Finanças, a Direcção- Geral de Recursos da Defesa Nacional e a Câmara Municipal de Odivelas. Tendo destinado a primeira visita institucional do presente ano civil à Associação das Antigas Alunas do Instituto de Odivelas, o CDS Odivelas entende ser este o momento oportuno e adequado para levar o Grupo Parlamentar do CDS-PP, nomeadamente os Deputados à Assembleia da República eleitos pelo Círculo eleitoral de Lisboa, a conhecer a notória falta de preservação e manutenção do Património Cultural nacional e o momento certo para apresentar o seu projeto político para a utilização a atribuir ao Mosteiro de S. Dinis e S. Bernardo para benefício dos odivelenses, os quais não foram até então auscultados sobre o destino que entendem ser o melhor a conceder ao mais emblemático Monumento do Concelho, o qual se encontra cedido à Câmara Municipal de Odivelas nos próximos 50 anos. Brevemente, o CDS Odivelas dará a conhecer o seu projeto para o Mosteiro de S. Dinis e S. Bernardo de Odivelas ao público em geral, organizando para o efeito uma Conferência aberta aos cidadãos durante a qual existirá um período de intervenção do público em que serão ouvidas as sugestões dos munícipes quanto ao futuro do Mosteiro de Odivelas.”
 
João Pedro Galhofo
Presidente do CDS Odivelas

Os conteúdos publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus Autores. As opiniões expressas em cada artigo vinculam apenas os respectivos autores e não traduzem necessariamente a opinião dos demais autores da “NoticiasLX” nem do Diretor ou do seu proprietário. A citação, transcrição ou reprodução dos conteúdos da “NoticiasLX” estão sujeitas ao Código de Direito de Autor e Direitos Conexos. É proibida a reprodução ou compilação de conteúdos para qualquer fim, sem a expressa e prévia autorização da “NoticiasLX” e dos respectivos Autores.