Help Desk dos SIMAR (Loures/Odivelas) uma Dependência de Meio Milhão no Contrato de Manutenção

O Vereador João Calado do PSD, aquando da discussão do ponto 3 da reunião da Câmara Municipal de Loures de 24 de Abril de 2019, referente à contratação dos serviços de manutenção do “Help Desk” para os SIMAR, levantou algumas questões salientando a dependência da EM de um sistema proprietário cujo contrato, por ajuste direto, orça o Meio Milhão de euros. Passamos a citar:

Porque é que temos um Ajuste Direto“?

Alguém decidiu adquirir uma solução proprietária sem acautelar a capacidade técnica de controlo da sua operacionalização o que implicou que depois de colocado o sistema em produção exista apenas uma entidade com capacidade de prestar o correspondente serviço de manutenção e Help Desk por forma a que seja garantida a sua operacionalidade“.

A incapacidade dos SIMAR de hoje submeterem à concorrência o serviço que pretendem contratualizar“.

A incapacidade dos SIMAR de negociarem o valor a pagar pela prestação do serviço pretendido“.

A incapacidade dos SIMAR de aferirem se estão a pagar o valor justo pela prestação do serviço a contratualizar por não existir um quadro de referência nem um prestador de serviços hipoteticamente alternativo“.

 


Os conteúdos publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus Autores. As opiniões expressas em cada artigo vinculam apenas os respectivos autores e não traduzem necessariamente a opinião dos demais autores da “NoticiasLX” nem do Diretor ou do seu proprietário. A citação, transcrição ou reprodução dos conteúdos da “NoticiasLX” estão sujeitas ao Código de Direito de Autor e Direitos Conexos. É proibida a reprodução ou compilação de conteúdos para qualquer fim, sem a expressa e prévia autorização da “NoticiasLX” e dos respectivos Autores.