Paulo Gonçalves do BE na Sessão Solene da elevação de Odivelas a Cidade (29 anos)

Sessão Solene, Elevação de Odivelas a Cidade – 29 Anos

Hoje estamos a comemorar o 29ºaniversário da elevação de Odivelas a cidade. Este deveria ser um dia importante para os Odivelenses.
Odivelas Cidade Europeia do Desporto em 2020, já falta poucos meses para 2020 e esta é uma candidatura que nos deve orgulhar, no entanto devemos investir mais nos equipamentos escolares para dar as melhores condições para a prática desportiva nas escolas. Dar melhores condições as colectividades e associações desportivas do concelho. Por a disposição das mesmas o Pavilhão Multiusos dando assim melhores condições para os seus atletas.

Comemorar Odivelas é ter o Mosteiro São Dinis e São Bernardo aberto a população! No entanto continua fechado em estado de degradação, continuando a população sem saber sobre o futuro do mosteiro e de todo o espaço adjacente, na última assembleia de Freguesia o executivo foi adiantando que vai ser instalado os serviços da Câmara Municipal, o Museu e o jardim da cidade e relação ao resto não tem conhecimento.

Para o Bloco de Esquerda está atrasado o debate público que há muito reivindicamos e com o Partido Socialista acabou por se comprometer. O futuro do Mosteiro de São Dinis não pode ser decidido nas costas das pessoas e, muito menos, poderá considerar-se aceitável que uma discussão pública alargada tenha sido resumida a duas horas de debate e ao envio de propostas pela internet.
Da mesma forma os Odivelenses têm o direito de saber o que vai ser instalado na quinta do Espanhol/Quinta do Espírito-Santo, até porque as obras já estão na sua fase final e o executivo da junta freguesia continua a dizer que não sabe o que ali vai existir.

Comemorar Odivelas seria cumprir o Direito Constitucional à Habitação e não ter pessoas a dormir na rua, sem condições e apoios. Não basta identificar essas pessoas, mas sim criar a capacidade para resolver definitivamente o problema social no qual se encontram.

Comemorar Odivelas seria ter mais e melhores transportes, reforçando a mobilidade e a acessibilidade aos serviços públicos dentro da freguesia, no concelho e para fora dele. Essa celebração faz-se também com a promoção da utilização do transporte público, assegurando a possibilidade de circulação com o passe navegante municipal em todas as carreiras dentro do município e garantindo mais oferta à noite e ao fim de semana,
O passe navegante metropolitano e concelhio foi, ainda assim, uma excelente medida construída à esquerda na Assembleia da República. Os benefícios trazidos a quem utiliza os transportes públicos é evidente, como tem demonstrado o aumento do número de passageiros.
Comemorar Odivelas será também continuar a lutar por uma rede de metro que sirva os odivelenses. Continuar a luta que garanta o acesso ao centro da cidade de Lisboa e que ponha fim ao projecto da linha circular. O alargamento da rede do metro para Loures tem de ser a prioridade, pois é fundamental para os munícipes dos dois concelhos e do norte do distrito, de modo a aumentar a mobilidade das pessoas e assegurando, também, uma ligação mais eficaz ao Hospital Beatriz Ângelo.

Comemorar Odivelas seria assegurar que todas e todos os odivelenses têm médico de família. Continuam a ser dezenas de milhar as pessoas sem esse direito na freguesia.
Para o Bloco de Esquerda, e porque falamos do poder local, o maior acto de democracia de liberdade e respeito é estarmos junto da população, de todas e todos que nos elegeram pelo acto mais democrático e de liberdade que o 25 de Abril nos deu, que foi a liberdade de podermos escolher os nossos eleitos locais.

Devemos agir de forma igual todos os dias, não basta as promessas feitas em campanha, ou palavras bonitas de um executivo mas sim os actos. Actos esses que sejam o reflexo de uma mudança visível para os que mais necessitam, que seja tratar todos e todas com o mesmo respeito sem olhar ao seu estatuto social eliminado barreiras entre as pessoas e apoiando as pessoas e bairros mais desprotegidos, não podemos continuar a ter uma cidade para habitantes de 1ª e outros de 2ª.

Saber honrar a Liberdade e a Democracia que nos foram devolvidas há 45 anos, ter a capacidade de ouvir, criticar, debater e respeitar as diferenças, apresentar alternativas que permitam aos munícipes decidir livremente e em consciência que futuro pretendem para si, para a freguesia de Odivelas e para o seu Conselho.
Por último mas sempre os primeiros, aos trabalhadores e trabalhadoras da Junta de freguesia de Odivelas o nosso obrigado por todo o empenho e trabalho que estão a realizar nas festas, sem vocês as festas da cidade de Odivelas não seriam possíveis e no dia-a-dia em prol dos fregueses de Odivelas.

Viva a freguesia de Odivelas
Viva a cidade de Odivelas

Odivelas 13 de Julho de 2019
Paulo Gonçalves, Eleito pelo BE na Assembleia de Freguesia de Odivelas


Os conteúdos publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus Autores. As opiniões expressas em cada artigo vinculam apenas os respectivos autores e não traduzem necessariamente a opinião dos demais autores da “NoticiasLX” nem do Diretor ou do seu proprietário. A citação, transcrição ou reprodução dos conteúdos da “NoticiasLX” estão sujeitas ao Código de Direito de Autor e Direitos Conexos. É proibida a reprodução ou compilação de conteúdos para qualquer fim, sem a expressa e prévia autorização da “NoticiasLX” e dos respectivos Autores.