Texto apresentado ao CN da CGTP pelos conselheiros nacionais Francisco Alves, Paulo Gonçalves, Pedro Ramos e Paulo Ricardo

Apresentamos durante o debate sobre o processo do XIV Congresso, hoje, na reunião do CN da CGTP “Para as lutas a desenvolver a CGTP tem de contar com todos. As lutas fortalecem-se pela integração dos diversos setores e sensibilidades. Desta forma, também se pode evitar a instrumentalização das lutas e dos trabalhadores fortalecendo as ações reivindicativas dos diversos dos setores laborais.
(…) A CGTP, previamente, ao congresso deverá assumir o compromisso da integração/ representatividade de todas as sensibilidades nos seus órgãos.”

A luta pelos direitos de quem trabalha não dispensa ninguém

A ação ofensiva contra os direitos dos trabalhadores e trabalhadoras, a desvalorização do trabalho, do emprego com direitos, a extrema precariedade laboral exigem respostas fortes e grandes mobilizações para as lutas a desenvolver pelo fim da precariedade, do desemprego, do aumento do salários mínimo, aumento das pensões e aumento geral dos salários, descongelamento das carreiras, garantir as 35 horas de trabalho para todos/as e a recuperação de direitos perdidos.

Para as lutas a desenvolver a CGTP tem de contar com todos. As lutas fortalecem-se pela integração dos diversos setores e sensibilidades. Desta forma, também se pode evitar a instrumentalização das lutas e dos trabalhadores fortalecendo as ações reivindicativas dos diversos dos setores laborais.

Assim sendo, a CGTP deve integrar representatividade das várias realidades laborais da classe trabalhadora, precária e desempregada. Esta representatividade deve constar dos órgãos da central: comissão executiva e conselho nacional garantindo que a composição destes órgãos incluem todas as sensibilidades políticas que constituem o sindicalismo combativo e de classe.

A CGTP, previamente, ao congresso deverá assumir o compromisso da integração/ representatividade de todas as sensibilidades nos seus órgãos.

Os conselheiros nacionais
Francisco Alves; Paulo Gonçalves; Pedro Ramos e Paulo Ricardo


Os conteúdos publicados são da exclusiva responsabilidade dos seus Autores. As opiniões expressas em cada artigo vinculam apenas os respectivos autores e não traduzem necessariamente a opinião dos demais autores da “NoticiasLX” nem do Diretor ou do seu proprietário. A citação, transcrição ou reprodução dos conteúdos da “NoticiasLX” estão sujeitas ao Código de Direito de Autor e Direitos Conexos. É proibida a reprodução ou compilação de conteúdos para qualquer fim, sem a expressa e prévia autorização da “NoticiasLX” e dos respectivos Autores.