Presidente do CDS-PP e Deputados à Assembleia da República visitaram o Mosteiro de Odivelas

Nota à Imprensa do CDS-PP Odivelas “O Presidente do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, o Vice-presidente António Carlos Monteiro e os Deputados à Assembleia da República pelo Círculo de Lisboa eleitos pelo CDS-PP, Ana Rita Bessa e João Gonçalves Pereira, visitaram no passado dia 21 de Fevereiro o Msoteiro de São Dinis e São Bernardo de Odivelas, a convite do CDS Odivelas, com vista a denunciar a inércia do atual Executivo Municipal Socialista que após um ano da transferência do referido Monumento Nacional para a posse e gestão municipal permanece sem projeto municipal à vista depois de terem sido já dispendidos cerca de € 300 mil em rendas pagas ao senhorio, o Ministério da Defesa Nacional.

O Presidente do CDS-PP teve oportunidade de recordar aos Órgãos de Comunicação Social nacionais presentes que o CDS Odivelas havia apresentado há exatamente um ano atrás 5 Propostas concretas para a futura utilização do “Mosteiro de Odivelas”, designadamente:
1) instalação de residências universitárias nas antigas camaratas do Instituto de Odivelas;
2) instalação de creches e jardins de infância de gestão pública municipal;
3) instalação de um centro de dia/ novo lar gerido pela Associação das Antigas Alunas do Instituto de Odivelas, IPSS);
4) criação do Museu da Cidade com integração do espólio do extinto IO à guarda do Exército e atualmente nas instalações militares do Colégio Militar (Quartel de Formação de Carnide); e
5) transferência do Centro de Acolhimento Temporário Casa Rainha Santa Isabel (Associação de Jardins- Escola João de Deus, IPSS.) que acolhe temporariamente crianças e jovens em perigo entre os 0 e os 12 anos de idade, dada a exiguidade das atuais instalações cedidas pela CM Odivelas.

Passado exatamente um ano da Assinatura do Contrato de Cedência de Utilização do MSDSB entre a CM Odivelas e o Ministério da Defesa Nacional (celebrado a 14 de Janeiro de 2019) e da entrega das chaves do Mosteiro de Odivelas pelo Exército a 14 de Fevereiro de 2019, a CM Odivelas delapidou já cerca de € 300.000 do erário público municipal em rendas (12 meses x €23.400 renda) sem que tivesse até à data sido apresentado qualquer projeto municipal de interesse público para o referido Monumento Nacional, assim classificado desde 1910.”

João Pedro Galhofo
Presidente do CDS Odivelas

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
RSS
Facebook
Twitter
YouTube