PAN Sintra pede explicações à autarquia sobre medidas de apoio para pessoas em situação de sem-abrigo no concelho

NOTA À IMPRENSA | PAN Sintra

Sintra, 12 de maio de 2020 – O Grupo Municipal do PAN – Pessoas–Animais–Natureza pediu hoje esclarecimentos à Câmara Municipal de Sintra a propósito do caso do munícipe, com 60 anos e doente oncológico, que vivia em situação de sem-abrigo num carro parado junto ao edifício do Paços do Concelho e que, em plena crise da Covid-19, viu o seu carro ser rebocado pela Polícia Municipal, tendo inclusivamente sido algemado e retirado do local.

No requerimento enviado hoje à autarquia de Sintra, o PAN questiona que mecanismos de apoio foram ativados por parte da Câmara Municipal para proporcionar o apoio social que este munícipe carece e exige esclarecimentos sobre a razão pela qual o seu carro foi rebocado, o que, no seu entender, “pode constituir (…) uma forma de violência para com esta pessoa, considerando o carro consistia numa forma de alojamento precário desta pessoa.”

O Grupo Municipal do PAN relembra ainda que não pode ser descurada a situação muito preocupante de saúde pública causada pelo Covid-19, perante a qual tem de haver especial preocupação com os grupos vulneráveis, como as pessoas idosas, as crianças e as pessoas em situação de sem-abrigo. “Na verdade podemos estar na eminência de uma crise humanitária no que a estas pessoas respeita, se não formos capazes de, enquanto coletivo e ao nível dos poderes locais e centrais, dar a resposta que carecem estas pessoas mais vulneráveis”, lê-se no requerimento assinado pelo deputado municipal, Bernardo Ramos Gonçalves.

No entender do PAN, a situação das pessoas em situação de sem-abrigo é uma realidade extremamente complexa e a intervenção junto desta população vulnerável é urgente, considerando que, de acordo com um relatório realizado em 2017, encontravam-se em situação de sem-abrigo 86 pessoas no concelho. Face a esta realidade, o deputado municipal Bernardo Ramos Gonçalves questionou ainda o executivo municipal sobre que medidas e estratégias foram promovidas para garantir a criação de soluções que promovam a reintegração social e laboral e primordialmente de habitação destas pessoas, bem como para quando está prevista a criação do Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem-Abrigo em Sintra.

PAN | Grupo Municipal Sintra

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
RSS
Facebook
Twitter
YouTube