Situação de calamidade em Odivelas

A Câmara Municipal de Odivelas (CMO), a par de outras da Área Metropolitana de Lisboa, tem primado por uma evidente falta de iniciativa na gestão preventiva e de controlo do Covid-19.

A gravidade da situação no território da CMO, ficou comprovada pela conferência de imprensa, de hoje, do Primeiro-Ministro, António Costa, onde foi reconhecida a gravidade epidemiológica existente no Concelho.
As evidências de que a CMO tem primado por uma evidente falta de iniciativa na gestão preventiva e de controlo do Covid-19, são, entre muitas outras, as seguintes:

• Não tem havido informação sobre as ações e planos de contingência para os lares (hoje na conferência de imprensa da DGS foi falado um caso muito preocupante em Caneças de 87 pessoas infetadas entre utentes e funcionários);
• Que tipo de ações de informação, acompanhamento e apoio foram realizadas junto do Hospital Beatriz Ângelo, que serve, nomeadamente a população do Concelho de Odivelas;
• Que tipo de ações foram já realizadas junto dos órgãos de gestão das empresas de transportes públicos, Rodoviária de Lisboa, Carris e Metro no sentido de aumentar as frequências dos transportes públicos nas horas de ponta de forma a mitigar o perigo de contaminações;
• Que tipo de ações foram realizadas no sentido de controlar os ajuntamentos de pessoas, nomeadamente em certos cafés e zonas de lazer bem identificadas pelas pessoas que lá vivem;
• Que tipo de ações nos controlos de acessos de pessoas aos centros comerciais e às feiras;
• Que tipo de ações junto das entidades públicas de saúde concelhias no sentido de saber como estão a acompanhar as populações que necessitam de cuidados médicos não associados ao Covid-19;
• Que tipo de ações estão programadas para a abertura do próximo ano letivo e do apoio aos alunos mais carenciados.
Felizmente, o Governo atento à inércia, nomeadamente da CMO, tomou a iniciativa e aí estão ações no terreno, com efeitos a partir da meia-noite de hoje e agora espera-se que sejam cumpridas.

Um ponto importante no programa apresentado pelo Governo é o dos Bairros Saudáveis que visa desenvolver projetos de reforço da prevenção nas áreas residenciais mais afetadas pelo Covid-19.
Espera-se que a CMO seja capaz de implementar este programa sem estigmatizar ou favorecer bairros.
Exorta-se a CMO a colocar ao serviço dos munícipes a sua máquina de propaganda e marketing no sentido de prestar a informação que é devida a quem vive neste Concelho.

Odivelas, 22 de junho de 2020.
Direção Política Municipal de Odivelas do Partido Aliança

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
RSS
Facebook
Twitter
YouTube