Intervenção do 30º Aniversário da cidade de Odivelas pelo Eleito Paulo Gonçalves do BE

Elevação de Odivelas a Cidade 30 Anos

Exmo Sr. Presidente da junta de freguesia de Odivelas, Exmo Sra. Presidente da Assembleia de Freguesia de Odivelas, Sras. e Srs. Eleitos da Assembleia de Freguesia, Exmo Sr. Presidente da C.M.O, Sras. e Srs. Representantes dos Partidos com assento na Assembleia de Freguesia, Comunicação Social

Estamos a comemorar o 30º aniversário da elevação de Odivelas a cidade, numa cerimónia simbólica que o tempo exige. A 11 de Março, a Organização Mundial de Saúde declarou a existência de uma pandemia (COVID-19) provocada por um novo tipo de coronavírus.

Os últimos dois meses em Odivelas têm sido vividos em Situação de Calamidade, as quatro freguesias do concelho de Odivelas encontram-se nos territórios identificados pelas autoridades como sendo zonas críticas para a evolução da pandemia. A partir de 15 de Julho todo o concelho deverá continuar em Estado de Calamidade, com restrições mais alargadas à vida colectiva;

Comemorar Odivelas e também:

Continuar debater o futuro do Mosteiro de São Dinis como da mesma forma os Odivelenses têm o direito de saber o que vai ser instalado na quinta do Espanhol/Quinta do Espírito-Santo, até porque as obras já estão na sua fase final e continuamos sem sabe o que ali vai existir.

Continuar a lutar pelo Direito Constitucional à Habitação e não ter pessoas a dormir na rua, sem condições e apoios. Não basta identificar essas pessoas, mas sim criar a capacidade para resolver definitivamente o problema social no qual se encontram.

Continuar a luta por mais e melhores transportes, reforçando a mobilidade e a acessibilidade aos serviços públicos dentro da freguesia, no concelho e para fora dele. Garantir na rede de transporte em tempo de pandemia o distanciamento social cumprindo a regras da direcção geral de saúde.

Continuar a lutar por uma rede de metro que sirva os odivelenses e que garanta o acesso ao centro da cidade de Lisboa e que ponha fim ao projecto da linha circular. O alargamento da rede do metro para Loures tem de ser a prioridade, pois é fundamental para os munícipes dos dois concelhos e do norte do distrito, de modo a aumentar a mobilidade das pessoas e assegurando, também, uma ligação mais eficaz ao Hospital Beatriz Ângelo.

Continua por assegurar que todas e todos os odivelenses têm médico de família. Continuam a ser dezenas de milhares de pessoas sem esse direito na freguesia.

A crise pandémica deixou bem evidente a importância dos Serviços Públicos na prestação de respostas urgentes a todas as pessoas. Nessa primeira linha de resposta esteve o Serviço Nacional de Saúde, que não fechou portas ao contrário do que fizeram operadores privados.

Também ao nível local, o trabalho das e dos profissionais das autarquias locais (câmaras municipais e juntas de freguesias) foram essenciais para permitir que o primeiro impacto da crise pandémica não tivesse consequências mais gravosas para a comunidade;

As trabalhadoras e os trabalhadores da Junta de Freguesia pertencem a grupos profissionais que nunca deixaram de trabalhar, de modo a garantir que a resposta do poder público mais próximo das populações continuasse a ser assegurada;

Essas pessoas, em teletrabalho ou em trabalho presencial, viram alteradas as suas rotinas domésticas e estiveram expostas à perigosidade do vírus no desempenho das suas funções, enquanto a maioria da população ficava confinada em casa;

Esse trabalho coordenado pelo executivo contou também com a colaboração de voluntários e voluntárias que participaram no reforço da resposta social de primeira linha.

Na última assembleia de Freguesia de Odivelas do passado dia 29 de Junho por proposta da Bancada do BE foi aprovada por unanimidade;

Saudar todas as trabalhadoras e trabalhadores da Junta de Freguesia que estiveram ao serviço neste período de crise pandémica;

Saudar as voluntárias e os voluntários que participaram na resposta social à pandemia, particularmente na primeira fase da crise epidemiológica e na qual o confinamento foi o dever geral;

Foi recomendado ao executivo da Junta de Freguesia que, em momento oportuno e numa sessão pública, louve cada uma dessas pessoas (profissionais e voluntários/as), por forma a que seja publicamente reconhecido o seu esforço e dedicação à comunidade.

Que nossos actos sejam o reflexo de uma mudança visível para os que mais necessitam, que seja tratar todos e todas com o mesmo respeito sem olhar ao seu estatuto social eliminado barreiras entre as pessoas e apoiando as pessoas e bairros mais desprotegidos, o vírus Covid 19 não faz descriminação.

Viva a Freguesia de Odivelas

Viva a cidade de Odivelas

Odivelas 13 de Julho de 2020

-Paulo Gonçalves, Eleito pelo BE na Assembleia de Freguesia de Odivelas

Wordpress Social Share Plugin powered by Ultimatelysocial
RSS
Facebook
Twitter
YouTube