SEMANÁRIO

More
    InícioOpiniaoColunistaObras de Santa Engrácia no Concelho de Odivelas

    Obras de Santa Engrácia no Concelho de Odivelas

    Obviamente que o Partido Socialista no Concelho de Odivelas ao conseguir manter o poder durante 25 anos, com maiorias relativas ou absolutas, não fez tudo mal na gestão do respetivo território, mas recorreu muitas vezes, aliás, vezes de mais, ao embuste político com promessas que nunca cumpriu ou que se foram protelando no tempo e que serviram de bandeira em diferentes e sucessivas campanhas eleitorais.

    Publicado

    Obras de Santa Engrácia

    O Concelho de Odivelas desde a sua criação há 25 anos, foi sempre liderado pelo Partido Socialista que, para o bem e para o mal, tem deixado a sua marca na gestão deste território de 26,4 Kms2, que faz fronteira com os municípios de Loures, Sintra, Amadora e Lisboa.

    Obviamente que o Partido Socialista no Concelho de Odivelas ao conseguir manter o poder durante 25 anos, com maiorias relativas ou absolutas, não fez tudo mal na gestão do respetivo território, mas recorreu muitas vezes, aliás, vezes de mais, ao embuste político com promessas que nunca cumpriu ou que se foram protelando no tempo e que serviram de bandeira em diferentes e sucessivas campanhas eleitorais.

    Em democracia não vale tudo para ganhar eleições, sendo necessário decoro político nas promessas que se fazem, sabendo de antemão que nunca serão cumpridas ou então se o forem será muito tempo depois dos prazos inicialmente anunciados.

    Obras de Santa Engrácia
    Obras de Santa Engrácia

    As Promessas

    Um exemplo das promessas eleitorais nunca cumpridas pelo Partido Socialista, diz respeito ao Projeto Odi-Vilas que em 2009 prometia, em vão, a requalificação urbanística e de reorganização do Bairro do Barruncho, onde ainda hoje vivem dezenas de famílias em condições sub-humanas nas construções abarracadas aí existentes.

    Relembra-se também o projeto O´Tec, uma promessa eleitoral do Partido Socialista, nas autárquicas de 2009, com previsão de conclusão até 2013, mas que nunca se concretizou, apesar de ser uma boa ideia para a captação para o Concelho de Odivelas, de empresas de base tecnológica, com investigação universitária ligada ao mundo empresarial e ao alto rendimento desportivo.

    Com a não concretização do projeto O´Tec, perdeu-se há cerca de 15 anos uma boa oportunidade de se criar um cluster empresarial no Concelho de Odivelas que a todos beneficiaria e daria uma identidade muito positiva e diferenciadora ao seu território.

    Com toda a certeza que se este cluster empresarial tivesse sido concretizado, o Concelho de Odivelas já estaria a beneficiar do efeito potenciador de instalação em cadeia de outras empresas, com emprego de qualidade.

    No Concelho de Odivelas, para além das promessas nunca cumpridas pelo Partido Socialista, há inúmeras outras que continuam pendentes e a aguardar melhor oportunidade para conclusão, mas que foram ou serão utilizadas em diferentes campanhas eleitorais, não se conseguindo neste artigo, por limite de espaço, fazer a sua completa enunciação, pelo que se recorrerá a alguns exemplos mais paradigmáticos.

    As Pendências – O Metro Ligeiro

    Desde logo, o projeto do Metro Ligeiro de Odivelas – Loures, agora rebatizado como Linha Violeta, que é uma promessa eleitoral do Partido Socialista de 2009.

    Só em julho de 2021, cerca de 12 anos após a promessa eleitoral, é que foi assinado, com pompa e circunstância e com a presença da comunicação social e do Primeiro-Ministro de então, o Protocolo de Cooperação, para a concretização do projeto, tendo-se encontrado financiamento através do PRR.

    Se não fosse o PRR que, à semelhança dos restantes Fundos Comunitários, contribuiu significativamente para os investimentos de maior monta em Portugal, esta promessa eleitoral do Partido Socialista com toda a certeza que também ficaria por cumprir sine sie.

    Durante a campanha eleitoral para as autárquicas de setembro de 2021, o PS e a Câmara Municipal de Odivelas elegeram mais uma vez o projeto do Metro Ligeiro de Odivelas – Loures como uma das bandeiras da sua campanha eleitoral, o que deve ter contribuído de forma significativa para a vitória do Partido Socialista com maioria absoluta, porque de facto estamos perante uma importante obra estrutural para o nosso território.

    O “Déjà Vue” das Campanhas Eleitorais do PS

    Estando agora prevista a conclusão do Metro Ligeiro de Odivelas – Loures (Linha Violeta) para 2026, lá teremos mais uma vez este tema na campanha eleitoral do Partido Socialista para as autárquicas de setembro/outubro de 2025. É o “déjà vue” do costume.

    Em maio de 2021, já em período de pré-campanha eleitoral, a Câmara Municipal de Odivelas, apresentou o Estudo Prévio sobre o futuro Parque da Cidade, integrando o Projeto de Revitalização do Mosteiro de Odivelas, com previsão de construção de piscinas municipais, parques infantis, palco, esplanadas, cafés e lugares de estacionamento, prevendo-se a sua conclusão para o final do ano de 2023, o que notoriamente não aconteceu e provavelmente engrossará as promessas eleitorais para as autárquicas de 2025. Mais do mesmo.

    Uma outra promessa eleitoral ainda não cumprida, diz respeito à saga das prometidas instalações para a Divisão Policial da PSP de Odivelas.

    Em novembro de 2018 a Câmara Municipal de Odivelas e o Governo do PS/geringonça assinaram um protocolo, com o “show-off” mediático do costume, para que em 2020 houvesse novas instalações para a Divisão Policial da PSP. Estamos em 2024 e nada. O que temos são promessas eleitorais que ainda não se concretizaram.

    Provavelmente as novas instalações para a Divisão Policial da PSP transitarão para uma nova geração de promessas eleitorais a apresentar para as eleições autárquicas de 2025. Já nada nos surpreende.

    O PS em Odivelas está a tornar-se muito previsível na sua estratégia eleitoral. Nunca é demais alertar para este tipo de situações até porque estamos a pouco mais de um ano das próximas eleições autárquicas, sendo necessário estar atento às manobras socialistas para a manutenção a todo o custo do poder.

    – Fernando Pedroso, Líder da bancada do CHEGA na AMO e Adjunto do Conselho Jurisdicional do CHEGA

    Obras de Santa Engrácia – link para o Projeto de revitalização da CMO

    Outros artigos de Fernando Pedroso

    Publicado no Semanário NoticiasLx:

    Últimos Artigos

    João Calado novo Presidente do Rotary Club de Loures 2024-25

    João Calado novo Presidente do Rotary Club de Loures 2024-25 Foi uma noite de grandes...

    PCP Odivelas chumba Congratulação do Dia D

    PCP Odivelas chumba Congratulação do Dia D que levou ao início do fim da...

    Almada Metro Ligeiro até à Costa e Trafaria 2024

    Almada Metro Ligeiro até à Costa Comunicado de Imprensa. O Metro vai chegar à Costa e...

    Loures PRR Habitação – 2024, O Garantido, O Perdido e o Prometido pelo Governo

    Loures PRR Habitação De acordo com a intervenção da vice-Presidente da CM Loures, Sónia Paixão,...

    Relacionados

    PCP Odivelas chumba Congratulação do Dia D

    PCP Odivelas chumba Congratulação do Dia D que levou ao início do fim da...

    Odivelas | Contas de 2023 do Município

    No passado dia 29 de abril ocorreu a 3.ª sessão extraordinária da Assembleia Municipal...

    Odivelas | O Fim Anunciado da Maioria Absoluta do PS na Câmara Municipal

    Os resultados destas Legislativas de 10 de março no concelho de Odivelas, vêm evidenciar: O...